Avic Compromisso com o Brasil

Produtos

Gumbor-Vet

VACINA CONTRA A DOENÇA DE GUMBORO CEPA INTERMEDIÁRIA GBV 8

DOENÇA INFECCIOSA DA BOLSA DE FABRICIO - IBD VÍRUS VIVO - ATENUADO (ORIGEM DE EMBRIÃO - LIOFILIZADA)

CEPA INTERMEDIÁRIA

A Vacina Contra a Doença de Gumboro (Doença Infecciosa da Bolsa de Fabrício - IBD), do Laboratório Bio-Vet, é constituída de vírus vivo atenuado de origem de embrião de galinha, preparada em ovos livres de agentes patogênicos específicos (SPF - Specific Pathogen Free). Cada dose contém o título individual mínimo para a doença de Gumboro de 10 2,5 DIOE 50 na data da liberação e 10 2,0 DIOE50 na data do vencimento.

USO VETERINÁRIO

Modo de Usar e Dose

Vacinação Subcutânea:

A vacina após ser reconstituída assepticamente em Diluente Especial, deve ser administrada em pintos de 01 dia de idade por via subcutânea na região dorsal do pescoço, na dose de 0,2mL.

Vacinação "in ovo":

A vacina após ser reconstituída assepticamente em Diluente Especial, deve ser administrada em ovos embrionados com 18 a 19 dias de incubação, na dose de 0,05mL.

A vacina deve ser aplicada em sistemas comerciais específicos para vacinação "in ovo", onde rigorosas inspeções no equipamento de vacinação em ovos devem ser realizadas para garantir a eficácia da desinfecção das agulhas, sem comprometer a viabilidade da vacina.

Vacinação Ocular/Nasal:

A vacina após ser reconstituída assepticamente em Diluente Estéril para vacinação ocular, deve ser administrada em aves por via ocular/nasal, na dose de 0,03mL.

Vacinação Via água de bebida:

A vacina após ser reconstituída em água limpa, deve ser distribuída nos bebedouros e deve ser administrada em aves com 14 dias de idade, podendo ser revacinadas na décima semana de vida. O protocolo de vacinação pode ser alterado de acordo com as necessidades epidemiológicas da região ou a critério do Médico Veterinário.

Na vacinação "in ovo", via ocular ou nasal, utilizar somente diluente próprio fornecido pelo proprietário desta vacina

Importante

A vacina depois de reconstituída perde dentro de pouco tempo sua capacidade de imunizar, em vista do que sugerimos aplicá-la imediatamente.

Procurar vacinar os pintos em ambiente e temperatura moderada.

A vacina deve ser conservada à temperatura entre 2ºC a 8ºC.

Verificar o prazo de validade do produto que é de 2 anos após a fabricação. A vacinação deve ser realizada nas horas mais frescas do dia, preferencialmente pela manhã.

Depois de aberto o frasco a vacina não se conserva.

Após a utilização, os resíduos de embalagem devem ser incinerados ou descontaminados por processos físicos ou químicos adequados.

Não vacinar as aves durante os 21 dias anterior ao abate. Todas as aves susceptíveis de um lote devem ser vacinadas ao mesmo tempo. Se isto não for possível as não vacinadas devem ser mantidas sob estrita separação.

Manter fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Apresentação

O produto é apresentado em blister contendo 10 frascos com o liofilizado, sem diluente, correspondente a 1.000 doses, 2.000 doses e 5.000 doses e 10.000 doses por frasco, juntamente com a bula.